Tag Archives: Marketing

Moda Cor Ceará de olho no novo consumidor

11 nov

A partir de 2011, a tradicional Casa Cor Ceará contará com uma plataforma de moda, a Moda Cor Ceará, com foco no empreendedorismo. Com o selo Fresh Brands, fica bem clara a proposta de investir em marcas capazes de entender o mercado global e as necessidades desse novo consumidor, imerso nas redes sociais e interessado por sustentabilidade, por exemplo.

Além dos desfiles em passarela de 30 metros, haverá mesas redondas e debates para discutir a moda em suas diversas vertentes (arte, cultura, negócios). Alguns nomes estão sendo sondados e são tidos como certos pela organização do evento. A intenção é trazer Jackson Araújo, Lula Rodrigues e Carol Garcia. Se der tudo certo, promete, né?

A idealização e produção do evento conta com o know-how de Iorrana Aguiar (ex-Santana Textiles, Dragão Pensando Moda e Decode Office) e Cláudio Silveira (Dragão Fashion, Iguatemi Mix).

No lançamento da Moda Cor Ceará, ontem, as atenções se voltaram para a palestra de Ângela Hirata, responsável pelo case de sucesso das sandálias Havaianas, que passou de sandália popular à moda pop, calçando pezinhos como os de Gisele Bundchen e Madonna. Ela contou as dificuldades que encontrou quando assumiu o departamento de comércio exterior da Alpagartas: vendas baixas, equipe desmotivada, poucas verbas e o descrédito dos seus próprios chefes.

Em vez de investir em marcas como a Topper (que também faz parte do grupo), que fabrica chuteiras e teria que competir com gigantes como Nike e Adidas, Ângela deu o pulo do gato com um produto praticamente sem concorrência e com cara de Brasil: chinelos coloridos de borracha. Deu um up de auto-estima na equipe, mexeu na identidade visual do produto e com ações precisas junto a celebridades e lojas de referência, como a Galeries Lafayette, conseguiu mídia espontânea e emplacar as Havaianas praticamente no mundo todo.

A idéia estava em seu próprio corpo: Ângela usava um vestido de renda filé comprado no Ceará. Colorido, com informações de moda, étnico sem ser folclórico e a nossa cara. Você não vai encontrar um desses em qualquer lugar por aí.

Para encerrar, nada como um bom exemplo. Mark Greiner apresentou um pocket-desfile com suas noivas dramáticas e teatrais.

(foto de celular, relevem a qualidade)

Anúncios

Marketing: Maxi Moda traz Gloria Coelho e Renato Kherlakian à Fortaleza

12 ago

Quem está em Fortaleza e se interessa por moda além dos desfiles e coquetéis pode marcar na agenda o dia 20 de agosto (sexta-feira da semana que vem). É que será realizado o 3º Seminário de Marketing de Moda do Nordeste, na sala 8 do cine UCI Severiano Ribeiro do Shopping Iguatemi. A programação é extensa, de 8h às 18h, e vale a pena para quem trabalha ou quer trabalhar na área.

Isso porque os temas vão além de apontar tendências prontinhas para o consumo final. São abordados assuntos de validade mais longa e que interessam exatamente a quem está dentro dessa louca engrenagem chamada moda: estratégias de marketing, novos públicos e mídias e alternativas para os segmentos de produção, varejo e atacado de moda. Guardadas as proporções, a proposta é semelhante a do Fashion Marketing, que era tocado por Gloria Kalil algum tempo atrás.

Nessa edição os convidados são os estilistas Glória Coelho (que além da marca homônima, comanda a Carlota Joakina) e Renato Kherlakian (criador da icônica Zoomp, da Zapping e da RK Denim), Alexandre Birman (vice-presidente da Arezzo e criador da Schutz) e a jornalista Crib Tanaka (responsável pelo marketing da Espaço Fashion).

[Momentinho auto-promoção: veja minha entrevista com o Renato Kherlakian, no ano passado]

Eu não fui à última edição porque estava em São Paulo, mas participei do primeiro MaxiModa, em 2008. Na ocasião, vi as palestras do Marcello Bastos, fundador da Farm, e do Alexandre Herchcovitch, que dispensa apresentações, né. Infelizmente, por um choque de pautas, não pude conferir as falas do Paulo Borges (“o cara” da moda no Brasil) e do Christian Hallot, embaixador da H.Stern no Brasil e que já tinha me rendido uma excelente entrevista em outra oportunidade.

Vale a pena?

Fui surpreendida pela palestra do Marcello Bastos. Quem vê a Farm fazendo tanto sucesso hoje com as garotas bronzeadas e bem nascidas não imagina que a marca começou a partir de um fracasso. Foi interessante tirar da história pessoal algumas lições em relação a modelos de marca própria e de franquia (o primeiro negócio mal sucedido foi uma franquia de outra marca) e definição de público-alvo e estratégias de marketing. Já o Herchcovitch, sempre é bom ouvi-lo falar, mas dessa vez me soou menos impactante, talvez porque já o tinha visto em outras ocasiões palestrando sobre o mesmo assunto, então não houve novidade.

Alguns reclamam do preço, mas creio que vale a pena, se você pode ir para todas as palestras (os horários estão lá embaixo, bem direitinho). Além das palestras e do tempo para perguntas e respostas depois, o acesso aos profissionais convidados não é difícil. Pode ser aquela oportunidade de você se apresentar (se não da Gloria Coelho, de algum assistente ou assessor), levar uma amostra legal do seu trabalho, trocar cartões. Além de, claro, conhecer pessoas interessantes que trabalham com  moda aqui no Ceará e – quem sabe? – daí originar novas parcerias.

Maaaas seria ótimo se os empresários locais percebessem o retorno que um funcionário pode dar quando busca conhecimento e subsidiassem algumas incrições. Um preço diferenciado para estudante também não seria mal. Fica uma sugestão para uma próxima edição.

* * *

O MaxiModa é uma realização da 3|3|3 Promo, e conta com o patrocínio do Senac, Fecomércio e Iguatemi. O evento tem o apoio da AD2M Engenharia de Comunicação, Arezzo, Diário do Nordeste, Delfa, Elemídia, Fanor, Jovem Pan, Meia Sola, Musa Lycra, Pantala, Revista Contigo, Sábado, Santa Marta e Use Fashion.

Programação:
8 horas – Credenciamento
9 horas – Abertura do MaxiModa
9h15min – Palestra 1 – Crib Tanaka
11h15min – Palestra 2 – Renato Kherlakian
14h20min – Palestra 3 – Alexandre Birman
16h15min – Palestra 4 – Gloria Coelho
17h50min – Encerramento

Serviço:
Inscrições pelo site www.maximoda.com.br
Preço: até o dia 15, R$ 180 | a partir do dia 16, R$ 200
Informações: (85) 3242.0333 | 3067.2398 | 8696.0333

Spring 3001, by Catelbajac

24 nov

Melhor que o desfile em si de JC Castelbajac, foi o vídeo foi produzido em parceria com a Lego para a coleção “Spring 3001”. Atente para a primeira fila, com direito a lego de Anna Wintour. No site, é só clicar em News.

Via Overdose de Moda

Os botões da Levi’s que você usava

14 out

Depois de a Diesel ter levado ao pé da letra seu trigésimo aniversário (30=XXX) e, com a ajuda do pessoal do SFW Porn, ter feito seu vídeo mesclando pedaços de filmes pornôs e desenho animado, é a vez da Levi’s fazer uso do erotismo em sua campanha publicitária. Com o tema “desabotoar” a si mesmo, a propaganda celebra o ícone jeans 501 com um jogo de sedução entre um casal.

É a primeira campanha global integrada da Levi’s. Isso porque o tradicional jeans 501 mudou: antes fechado por zíper, recebe botão e modelagem padronizada nos 110 países em que é vendida. Será que agora, mesmo com bunda de brasileira, conseguirei comprar calças de 70 pesos nos outlets da Argentina?!

Maaas… voltando ao assunto, a discussão do erotismo (invulgar ou não) na moda ainda não cansou? Que polêmica menos polêmica. Olha o que Saint Laurent e Helmut Newton já faziam na década de 70:

Mais que um simples nu. Papéis masculinos? Femininos? Mais uma imagem de moda a difundir uma mudança de valores.