Brigitte Bardot vem aí

13 jul

400

E Deus criou Brigitte Bardot em 1934. Roger Vadim a catapultou para o mundo 22 anos depois. Foi uma sensação, um escândalo, todos sabemos. Até que um dia ela saiu de cena e passou a se dedicar aos direitos dos animais. Agora, prestes a completar, em setembro, 75 anos — 35 deles reclusa, a fenomenal BB volta involutariamente aos holofotes.

Cartaz da exposição na França

Cartaz da exposição na França

A partir de 29 de setembro, o Museu dos Anos 30, na França, apresentará uma grande exposição em homenagem à musa. Anunciada como “uma viagem na carreira da atriz”, a mostra terá retratos feitos por Andy Warhol, Richard Avedon, Sam Levin e Pierre Boulat, além de correspondências enviadas por Alain Delon e Jean-Paul Belmondo.

O diretor da exposição, Henry-Jean Servat, explica que  “esta manifestação vai contar sobre a vida de BB, mas também a nossa (dos franceses). Brigitte Bardot escreveu uma  página da história da França e provocou mudanças  na sociedade da época”.

O quadrinista Joann Sfar está se lançando como diretor de cinema, com Vie Heroique. O filme retratará a vida de outro ícone francês, Serge Gainsbourg, músico, ator, cineasta e pegador nas horas vagas (e nas não vagas também). E entre suas conquistas amorosas estava Brigitte Bardot, no auge da fama e da beleza, com quem fez célebres parcerias musicais. A modelo Laetitia Casta interpretará a musa nas telas. BB deve ganhar sua própria cinebiografia pelas mãos de Kyle Newman (confesso ter zero referência dele). Jaime King, que atuou em The Spirit, será o rosto da atriz.

Laetitia Casta como BB em "Vie Heroique"

Laetitia Casta como BB em Vie Heroique

Mas não é só no cinema que ela está aparecendo. Veja a capa de julho da W Magazine, com Lara Stone, apontada como a nova Brigitte Bardot – título que já haviam dado a Claudia Schiffer no passado. E onde eu já havia visto esse make? Ah, no desfile de inverno 2010 da Chanel! Karl Lagerferl até já tinha colocado um tantinho de BB na coleção de 2007, inspirada em Amy Winehouse (o “negativo” de Bardot, segundo ele).

Lara Stone na W, make da Chanel e BB em 1967

Lara Stone na W, make da Chanel e BB em 1967

Arrisco dizer que Siena Miller e Kate Moss também são um pouquinho BB. Aliás é da musa francesa a voz do comercial do Miss Dior Chérie, dirigido por Sofia Coppola e rodado em Paris.

No Brasil, vimos o desfile de verão da Têca (Fashion Rio). Helô Rocha diz ter se inspirado livremente nas divas francesas Jane Birkin e Brigite Bardot. Na Neon (SPFW), o tema “calçadão urbano” foi mote para silhuetas como essa da foto abaixo.

BB em Búzios e desfile da Têca (Fashion Rio)

BB em Búzios, no verão de 64, e desfile da Têca (Fashion Rio)

Bem no comecinho da carreira, aos 19 anos, e desfile da Neon na SPFW

Bem no comecinho da carreira, aos 19 anos, e desfile da Neon na SPFW

Continua amanhã…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: